sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Recife: Cheiro de primeiro turno



Na semana em que a campanha começou de fato, com a estreia do guia eleitoral, o candidato do PSB a prefeito do Recife, Geraldo Júlio, ultrapassou o democrata Mendonça Filho e rompeu a casa dos 20%, chegando exatamente a 22%. A diferença de Humberto Costa (PT), que lidera, caiu 30 pontos em 60 dias e hoje é de apenas nove pontos.
A esta altura, o comando da campanha de Humberto e ele próprio devem estar com uma pulga atrás e desconfiados quanto ao risco da chegada do socialista ao primeiro lugar antes do que imaginavam. Não há mistério algum para explicar esse crescimento.
Geraldo empinou graças ao prestígio, a força e a popularidade do governador Eduardo Campos. Nunca na recente história pernambucana um governante alcançou níveis tão expressivos de aceitação popular.
Em Caruaru, por exemplo, o Instituto Opinião identificou uma aprovação de 90% à gestão do socialista. A média no Estado é superior a 80%. Eduardo colocou no projeto Geraldo no Recife todo o seu capital político em jogo.
Se a população em geral tiver a compressão dos 22% que já se identificam com a candidatura do socialista no Recife, adeus PT. Geraldo pode ganhar a eleição no primeiro turno.
Blog do Magno
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei.

Número Total de Visitas

Siga por E-mail

Translate

As Mais Vistas da Semana

Sintraf - Sairé

Arquivo do blog

Todos os Direitos Reservados à Washington Carvalho e Grupo UEEPAA de Comunicação. Tecnologia do Blogger.
uery.min.js' type='text/javascript'/>