quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Por que Lula deveria ir para um hospital do SUS?


No Brasil, infelizmente, não se dá a ex-presidentes da República o tratamento que merecem como ex-chefes de governo e também de estado. A constatação pode ser feita pelos comentários postados nas redes sociais sobre o fato de o ex-presidente Lula estar sendo tratado de um câncer na laringe num hospital de alta complexidade, em São Paulo, ou seja, num hospital de elite. Críticos do PT e adversários do governo questionam: “Por que ele não se internou num hospital mantido pelo SUS?”
Ora, só a pobreza política do Brasil enseja comentários deste tipo. Lula é um ex-presidente da República e deve ser tratado como tal, ou seja, como uma instituição, assim como Fernando Henrique Cardoso e José Sarney. Fernando Collor é um caso à parte, porque foi afastado do governo por corrupção, mas ainda assim deve ter tratamento de ex-presidente. Só para efeito de comparação, basta ver como os EUA tratam seus ex-presidentes. No mínimo, como benfeitores do país e da Pátria.
Se Lula estivesse em hospital público, seria chamado de demagogo e acusado de estar querendo  “aparecer”. Mas, como ex-presidente, ele tem direito a plano de saúde e fez o que qualquer um faria se estivesse em seu lugar: procurou o melhor. Esse debate idiota lembra uma resposta do ex-deputado Ricardo Fiúza a um crítico de Collor, que quando presidente do Brasil hospedou-se num hotel em Paris que cobrava 1.200 dólares pela diária: “Queriam o quê? Que ele ficasse em hotel de 2ª classe”?
Fonte: Blog de Inaldo Sampaio
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei.

Número Total de Visitas

Siga por E-mail

Translate

As Mais Vistas da Semana

Sintraf - Sairé

Arquivo do blog

Todos os Direitos Reservados à Washington Carvalho e Grupo UEEPAA de Comunicação. Tecnologia do Blogger.
uery.min.js' type='text/javascript'/>